O que é fator de potênica?

kW

kVAr

Ilustração classica que representa as energias envolvidas em um sistema elétrico de corrente alternada, sendo o kVA representado pela caneca

De forma simples, podemos definir o fator de potência como a relação entre o consumo ou potência ativa, expressa em kWh ou kW e o consumo ou potência reativa, expressa em kVArh ou kVAr.

 

* Potência ativa: potência que efetivamente realiza trabalho gerando calor, luz, movimento, etc. É medida em kW. 

* Potência Reativa: potência usada apenas para criar e manter os campos eletromagnéticos das cargas indutivas. É medida em kvar.

* Potência aparente: é a soma vetorial da potência ativa e reativa. É medida em kVA.

A maioria das cargas das unidades consumidoras consome energia reativa indutiva, tais como: motores, transformadores, reatores para lâmpadas de descarga, fornos de indução, entre outros. As cargas indutivas necessitam de campo eletromagnético para seu funcionamento, por isso sua operação requer dois tipos de potência, a ativa e a reativa, sendo o fator de potência definido pela relação entre ambas.

A energia reativa, medida em kVArh, não realiza trabalho efetivo, mas é necessária e consumida na geração do campo eletromagnético responsável pelo funcionamento de motores, transformadores e geradores.

 

A energia ativa, medida em kWh, é a que realmente produz as trabalho útil, luz, calor, etc.

 

Através do fator de potência podemos avaliar o desempenho da instação.

 

A legislação determina que o fator de potência deve ser mantido o mais próximo possível da unidade (1), mas permite um valor mínimo de 0,92.

 

Se o fator de potência estiver abaixo desse mínimo, a conta de energia elétrica sofrerá um ajuste em reais, sob o título de excedente reativo.

 

fator de potência = kW / kVA

 

Existem duas formas de corrigir o baixo fator de potência:

* Aumentar o consumo  ou potência ativa;

* Reduzir o consumo ou potência reativa.

 

A elevação do consumo ativo implica em um consumo faturável maior, só sendo justicável se este aumento for diretamente proporcional ao aumento de produção, e portanto, de faturamento.

Alguns equipamentos podem melhorar o fator de potência global da instalação, isto ocorre quando o seu fator de potência é elevado. (p.ex. fornos resistivos e motores síncronos).

 

A forma mais usual e economicamente indicada é a correção do fator de potência através da instalação de banco de capacitores.